Páginas

quarta-feira, 1 de maio de 2013

PAULO ODONE EMITE NOTA DO PPS/RS


NOTA OFICIAL DO PPS-RS
A respeito das informações veiculadas na imprensa sobre a Operação Concutare, da Polícia Federal, o PPS-RS esclarece:

- O partido somente se manifestará ou tomará medidas partidárias relativas aos dois filiados investigados pela Polícia Federal, Berfran Rosado e Elvio Alberto dos Santos, após o desenrolar do inquérito, publicidade do teor das investigações e possíveis imputações;

- Seguindo o princípio da precaução, adotado pelos executivos Municipal e Estadual, o jornalista Elvio Alberto dos Santos foi desligado de suas funções na Câmara de Vereadores da Capital;

- O partido jamais teve conhecimento de quaisquer condutas ou atividades desabonadoras praticadas por esses filiados;

- Berfran Rosado não exercia atividades partidárias, nem ocupava cargos públicos, tampouco participava das discussões internas do PPS-RS, desde o início da campanha eleitoral do ano passado, e as investigações policiais, segundo informações veiculadas até o momento, dizem respeito a suas atividades profissionais e privadas;

- O PPS-RS reitera seu compromisso com a ética e a transparência, e quaisquer infrações ao seu código de ética, de quaisquer membros, em quaisquer circunstâncias, serão tratadas nos moldes do regimento partidário;

- Giancarlo Tursi Pinto, investigado na mesma operação da Polícia Federal, não é filiado ao partido desde 30/01/2012.

- O PPS apoia e deseja que esta investigação seja aprofundada e traga a luz toda a verdade.

Paulo Odone
Presidente do PPS do Rio Grande do Sul

Sérgio Camps de Morais
Secretário-geral do PPS do Rio Grande do Sul

Nenhum comentário:

Postar um comentário