Páginas

sábado, 9 de julho de 2011

SEGURANÇA: VEJA O QUE "ELES" PENSAM A RESPEITO.

Os desdobramentos pela luta do piso nacional das polícias começam a desmascarar as reais intenções de alguns políticos partidários. Depois da infeliz declaração do governador do Rio de Janeiro, Sergio Cabral que chamou os bombeiros fluminenses de “vândalos irresponsáveis”, que repercutiu negativamente contra a categoria mais conceituada mundialmente. Como admitir ser vândalo quem arrisca a vida para salvar vidas. Agora caiu a máscara do presidente da Câmara Federal, Deputado Marco Maia.

Dep. Marco Maia - PT/RS
O presidente da Câmara Federal, Deputado Marco Maia(PT/RS) declarou que a segurança pública não dá voto. Essa afirmação foi presenciada por três deputados federais, denunciada e gravada na Comissão de Segurança Publica da Câmara Federal, na audiência pública do dia 5/07/2011.

Nesse momento estavam na audiência representantes do Sinpol-RS, juntamente com outras entidades sindicais e associativas de policiais civis e militares de vários estados do Brasil que vaiaram a observação do presidente Marco Maia. Representaram o Sinpol-RS, em Brasília/DF, os diretores Luiz Henrique Viacava e Luiz Henrique Santos.
E agora pessoal há quem vamos recorrer, voce precisa de segurança e os policiais precisam de estrutura para poder dar esta segurança, mas os politicos pensam desta forma. Então é por esse motivo que as delegacias da sua região estão fechadas e caindo, por isso que os policiais fazem de tudo para manter algo que os politicos não querem forte e com capacidade de trabalho, seria para que a policia não os investigue, como aconteceu nas prefeituras de nosso estado, porque podem ter certeza se a policia criar uma delegacia de crimes contra o patrimonio publico, muitos dos politicos ladrões vão parar na cadeia.
Pense nisso e vote no politico como se votasse em você, vote nas suas necessidades. Vote nos politicos comprometidos com as suas causas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário