Páginas

segunda-feira, 18 de julho de 2011

BRADESCO EM BAL. PINHAL, QUESTÃO DE CREDIBILIDADE.

O Bradesco, um dos maiores bancos privados do Brasil, instalará agência no município de Balneário Pinhal. Esta informação foi divulgada pelo prefeito Jorge Fonseca, em seu programa na RadioWeb Balneário Pinhal, no sábado,16/07.
A agência, segundo Fonseca, atenderá a microrregião e o Bradesco escolheu Balneário Pinhal a partir de pesquisa de mercado. A agência qualificará a prestação de serviços financeiros no município.

Vamos fazer uma rápida analise, sempre ouvi dizer que Cidreira precisa de uma agencia de outro banco para fazer concorrência com o Banrisul e até hoje nada, falou-se no Banco do Brasil e até na Caixa Federal.
Mas nenhum deles veio, e por quê? Seria por falta de credibilidade na administração do município? Se Pinhal é menor e tem menos moradores, porque o banco iria para lá?

Foi só por um motivo, porque a prefeitura quer, porque o prefeito quer e porque os vereadores querem, todos eles acreditam que será melhor para as pessoas e que será saudável para o município.

Cidreira vive em uma redoma, dificultando a vinda das pessoas, eles não querem que venham atrapalhar o que esta sendo mal feito, como contratos com músicos que normalmente cobram 6 mil, mas nos contratos aparecem recebendo 50 mil ou de um musico que cobrou 500 reais para tocar, mas no contrato consta que recebeu 5 mil, será que tudo isso esta sendo encaminhado como denuncia para os órgãos competentes?

Nesta cidade os bancos de rua, as luminárias e quase tudo que passa pela administração municipal é irregular ou super faturado.

É incrível que nesta cidade, alguns são oposição até a hora do beneficio, são candidatos que desistem da candidatura, são vereadores cegos, surdos e mudos e funcionários coniventes com tudo isso.

Assim não há empresa, banco ou qualquer outro tipo de comércio que venha para a cidade, pois não há credibilidade no governo municipal. Quem se arriscaria a vir?  Alguém com dinheiro fácil que não precisa dar duro para ganhar e que se for mal gasto, não tem problema, afinal como diz o ditado, veio fácil e vai fácil.
Exemplo de coragem é do proprietário das torres gêmeas que estão sendo construídas na beira mar, este empresário ou deve ter muito dinheiro ou acreditar no ditado. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário