Páginas

quinta-feira, 17 de março de 2011

NAVIO ECOLÓGICAMENTE CORRETO EM RIO GRANDE.

O primeiro cargueiro do mundo movido a propulsão híbrida está descarregando 97 peças com um total de mil toneladas.


 O navio E-Ship 1 atracou novamente, no início da manhã de hoje (17), no Porto do Rio Grande. O primeiro cargueiro do mundo movido a propulsão híbrida, a base de energia eólica (40%), está descarregando 97 peças com um total de mil toneladas. Estas peças serão utilizadas para o Parque Eólico de Palmares do Sul. Entre elas, estão 8 pás de aerogeradores com 40 metros de comprimento cada.

A operação deve durar 24 horas. A última parada do navio alemão foi em Natal, no Rio Grande do Norte. De Rio Grande, o E-ship 1 deve partir para Santos. Esta é a segunda viagem do navio ao Brasil. O primeiro descarregamento com 2.390 toneladas ocorreu em 21 de janeiro deste ano.

De acordo com o diretor técnico do Porto do Rio Grande, o oceanólogo Luiz Laurino, a expectativa é de que este navio retorne muitas vezes ao porto rio-grandino. “É uma tendência mundial esta procura pela mudança na matriz energética com foco no meio ambiente. Esperasse com isso melhorar o futuro. Este navio é uma participação nesse contexto e demonstra que existem alternativas”, destacou.

Sobre o navio
O navio E-ship 1, com 130 metros de comprimento e 22,5 metros de boca, teve sua construção concluída em Emden, na Alemanha. O navio utiliza-se do Efeito Magnus para propulsão através de quatro torres cilíndricas de 27 metros de altura por quatro metros de diâmetro. Instaladas no convés principal, elas funcionam como rotores eólicos com capacidade de captar a energia do vento para auxiliar a propulsão a diesel do navio.


Lorena Barros Garibaldi
Assessoria de Comunicação Social
Porto do Rio Grande

Nenhum comentário:

Postar um comentário