Páginas

sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

GATOS MORTOS EM TORRES.

A Polícia Civil de Torres, no Litoral Norte do Estado, investiga a morte por envenenamento de 14 gatos que eram criados em casa por uma idosa, no bairro São Francisco. O principal suspeito de ter cometido o crime é um vizinho da mulher, que, incomodado com a presença dos animais, já teria a ameaçado com uma espingarda.
De acordo com a coordenadora da Associação Mampi de Animais, Taís Abel, a delegada que investiga o caso já teria expedido mandado de busca e apreensão na residência do suspeito.

O caso se complica porque os animais não podem ser enterrados em qualquer lugar devido ao perigo de contaminação do lençol freático. Ontem, os gatos ficaram expostos defronte a uma escola de Torres, no meio de poças de água e com crianças por perto.

"A estrecnina – veneno usado para matar os gatos – é um contaminador de lençol freático, que em Torres é superficial", explicou Taís. Os animais estão sendo mantidos acondicionados na residência da mulher, enquanto se busca um destino apropriado.
Correio do Povo

Comentario do Blog: 
Aqui em Cidreira todo ano existe uma matança de cães, e é sempre em uma região e feita dentro dos patios com animais presos. Alguém joga algum tipo de comida envenenada para os animais que morrem muito rapido, sem que os proprietarios possam tomar alguma atitude.

Nenhum comentário:

Postar um comentário