Páginas

sexta-feira, 5 de novembro de 2010

CPMF PARA A SAÚDE, DE QUEM?

Bastou encerrar a contagem dos votos para que o PT, lançasse na pauta o CPMF, e a Presidente eleita muito bem articulada diz que não quer, alias no PT sempre foi assim, o presidente não quer, mas alguém faz, ai ele aceita calado sem vetar, o que é seu direito.

Para relembrar a todos o CPMF quando foi criado foi com a desculpa de que seria para aplicar na sua totalidade em Saúde Publica, mas a saúde brasileira não melhorou, então tiraram em 2008 e a saúde continuou na mesma, não piorou, portanto em uma prova incontestável de que este imposto não estava sendo aplicado nela.

Os PTistas de plantão, que após as eleições passaram a apoiar o CPMF, dizem que quem não quer é porque é sonegador, ora ninguém sonega mais do que os políticos com seus caixas dois, e os companheiros muito bem empregados no governo que mais teve escandalos neste país e eles tem essa maneira de fazer com que todos os que são contra algo pareçam culpados. Eles querem sempre colocar pobres contra ricos, nordestinos contra sulistas e assim vão formando a opinião dos que necessitam dos apoios governamentais para sobreviver, por falta de empregos e geração de renda que deveria ser na verdade a meta desta administração, mas se podem mante-los necessitando do auxilio é muito melhor afinal temos eleição de 2 em 2 anos.
Eu acredito que a criação da nova CPMF será para sustentar o mensalão, políticos e políticas partidárias em todos os municípios do Brasil, com o dinheiro vazando através de alguma ONG dirigida por companheiros.

É pena que os brasileiros não deixaram o Brasil ser passado a limpo nestas eleições, e agora tudo continuará como esta, até a saúde, mesmo com a cobrança do novo e velho conhecido CPMF.

Nenhum comentário:

Postar um comentário