Páginas

terça-feira, 31 de agosto de 2010

YEDA AUTORIZA A CONTRATAÇÃO DE 3678 BRIGADIANOS.

A governadora Yeda Crusius autorizou, nesta terça-feira (31), a realização de concurso público para gerar 3.678 vagas para a Brigada Militar. O grupo será somado aos 3.552 novos policiais que ingressaram na corporação em abril deste ano, totalizando um contingente de 7.230 novos policiais, em um único ano. O concurso tem a validade de dois anos, podendo ser prorrogado por igual período.
O processo tem como objetivo a recomposição de efetivo, dentro do Projeto Estruturante Cidadão Seguro da Secretaria da Segurança Pública, e terá o edital publicado nos próximos dias. Para a governadora, com o aumento do número de servidores e a aquisição de veículos, o "Estado está atendendo aos anseios da sociedade, que requer serviços públicos prestados com qualidade e a mesma produtividade, capacitação e modernização que existe nos melhores sistemas privados".

Diretrizes estratégicas do Governo.

Desde janeiro de 2007, foram contratados e nomeados cerca 8.293 servidores para a área da Segurança Pública (4,9 mil Soldados para a Brigada Militar, 1,5 mil Soldados Temporários para a BM, 35 Delegados de Polícia Civil, 445 Escrivães/Inspetores para a Polícia Civil, 906 Servidores Penitenciários para a Susepe e 259 Servidores Periciais para o IGP). O número de servidores ultrapassa os 14 mil, se considerados os policiais temporários. No próximo dia 4 de setembro, conclui o curso de formação da Escola de Polícia, 600 Escrivães e Inspetores. Outros 200 alunos delegados realizam curso.

Dentro das diretrizes estratégicas do Governo do Estado para os recursos humanos da segurança pública, desde 2007 já foram efetivadas 6.261 promoções de servidores da Segurança Pública, sendo: 3,8 mil na Brigada Militar, 1.055 mil na Polícia Civil, 706 na Susepe, e 573, no IGP. Em algumas instituições as promoções não aconteciam desde 2003.
Portal do Estado

Nenhum comentário:

Postar um comentário