Páginas

quarta-feira, 25 de agosto de 2010

A BALEIA ENCALHA NOVAMENTE.

Apesar de todo o esforço e da mobilização de biólogos, da Patrulha Ambiental da Brigada Militar e bombeiros, a baleia jubarte que foi desencalhada na tarde ontem apareceu novamente presa ao banco de areia na praia de Capão Novo, no Litoral Norte do Rio Grande do Sul nesta manhã.
Desencalhe de animal com vida é raro.

Segundo o veterinário e coordenador de pesquisas do Instituto Baleia Jubarte , Milton Marcondes, o último caso de uma baleia jubarte resgatada com vida ocorreu no ano 2000 em Ubatuba (SP). Outros casos foram em 1998 em Florianópolis e em 1992 em Saquarema (RJ).

Marcondes chega ao Estado ainda hoje, por volta das 12h, quando irá direto para Capão Novo auxiliar nos procedimentos com a jubarte encalhada. Não está descartada a hipótese de o animal ser sacrificado.

- As pessoas não entendem, mas às vezes uma espécie de eutanásia minimiza o sofrimento do bicho - finaliza o biólogo do Ceclimar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário