Páginas

quarta-feira, 21 de julho de 2010

MP PERSEGUE QUEM?

MP já abriu mais ações contra o PSDB do que o PT.



O PT está na frente apenas no quesito condenações. Já são oito as multas contra o partido - a maioria por propaganda antecipada.
Até o momento, o Ministério Público Eleitoral abriu mais representações contra o PSDB do que contra o PT – somente a vice-procuradora-geral eleitoral, Sandra Cureau, é autora de 16 ações contra a campanha tucana e de 12 contra o partido de Dilma Rousseff. Ainda assim, o PT anunciou que estuda a possibilidade de entrar com representação no Conselho Nacional do MP contra Sandra. Para o partido, ela age com excessivo rigor ao pedir investigações contra o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, sob acusação de abuso de poder político em favor da candidatura de Dilma.

De acordo com um levantamento do jornal O Estado de S. Paulo divulgado nesta quarta-feira, dados fornecidos pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) mostram que o MP não age com dois pesos e duas medidas em relação aos candidatos, como sugeriu Dilma Rousseff na terça-feira. A diferença é que as ações contra petistas foram julgadas antes, já que os indícios de ilicitudes na campanha foram detectados primeiro.

O levantamento aponta que, até agora, foram protocoladas no TSE 37 ações que têm como alvo Serra ou seu candidato a vice, Índio da Costa, o PSDB, o DEM ou partidos aliados. Já contra Dilma, Michel Temer, Lula, o PT e partidos aliados, constam 32 representações no TSE.-O PT está na frente apenas no quesito condenações. Já são oito as multas contra o partido, Dilma ou aliados – a maioria por propaganda eleitoral antecipada. Apenas nove ações contra a legenda ainda não foram julgadas. Do outro lado, o PSDB recebeu três condenações que determinavam o pagamento de multa: uma contra o partido, outra contra Serra e a terceira contra Índio. Outras 25 ações ainda não foram, julgadas.

Entrar ou não com uma representação contra Sandra Cureau virou motivo de divergências entre petistas. Enquanto o presidente nacional do partido, José Eduardo Dutra, solta o verbo em seu Twitter a favor da ação, ficou difícil para a ala que é contra voltar atrás e desistir representar contra o MP.

Veja.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário