Páginas

segunda-feira, 12 de outubro de 2009

TRANSITO MUDA EM CIDREIRA.

Durante quatro anos, lutamos na Câmara para que a entrada da cidade fosse pela beira mar, entrando pela Av. Giacomo Carniel e indo até a Osvaldo Aranha, para que o visitante que chega, olhe primeiro para o mar.

O que nunca conseguimos, porque o prefeito tinha de agradar a um vereador, com comercio na Borges de Medeiros. Agora parece que vão liberar a entrada pela Osvaldo Aranha e porque seria, talvez por ter o vereador vendido o seu prédio, não, como aqui neste município a administração publica, não faz pela comunidade e sim pelo próprio "bem". Estará sendo aberta em breve, porque o prefeito comprou um enorme terreno, ali na Osvaldo Aranha, e agora é lógico que para valorizar o seu terreno, todo o movimento de entrada e saida da cidade, tem de ser por ali.
Alguns dizem que fará um shopping, outros apostam em um hotel, já que o terreno fica ao lado do hotel castelo e fazendo esquina com a Rua União e fundos para a beira do mar.

E assim Cidreira vai levando, sendo dirigida por pessoas que pensam somente nela e nem ai para o que a comunidade pensa, mas é vergonhoso que isso aconteça, pois o enriquecimento dos homens públicos é a olhos vistos, e ninguém fica nem vermelho.

Acreditem, Cidreira é muito mais forte do que isso e irá sobreviver, até o dia em que alguém assumirá este governo para fazer aquilo que a comunidade quer, pois o importante é a cidade e o bem estar do cidadão.