Páginas

terça-feira, 9 de dezembro de 2008

JUSTIÇA MILITAR

Estamos em uma polemica neste momento com denuncias gravissimas contra a Justiça Militar do estado, uma justiça que eu não consigo entender, pois se temos juizes para julgar todos os simples mortais o que tem estes militares oficiais e ate praças se estiverem junto com o oficial na hora do crime, são pessoas de outra estirpe ou sejam beneficiados por serem julgados pela propria organização, claro que eu acredito na justiça, mas na justiça igual para todos, na justiça que é feita para o rico o pobre e ate para os poderosos militares da BM do estado. Um Promotor Publico denunciou que alguns oficiais da BM tiveram previlegios em Inquerito Policial Militar, julgado naquela casa e tenho a certeza de que devem ser verdadeiras as denuncias, imagine, o Comandante ordenou que o oficial cumpri-se uma ordem dada por ele, mas saiu tudo errado o oficial cometeu um grave erro no cumprimento da ordem e se fosse interrogado pelo Juiz da justiça comum, poderia dizer que a ordem partiu do tal oficial e ai teriamos oficiais demais envolvidos em crimes, que a imprensa tornaria publico os crimes que fatalmente teriam talvez um outro desfecho pela justiça cega e com longos braços, mas que só pode atingir aos imortais do povo, pois os militares estão distantes desta justiça comum e igual.
Tendo em vista que toda a Segurança Publica do Estado do Rio Grande do Sul gasta em torno de 29 Milhões de Reais, e que os policiais reclamam de falta de material de trabalho, de viaturas e as vezes ate de gasolina, com viaturas em sua maioria sucateadas e alguns quarteis da BM e Delegacias em estado precario com risco ate de desabarem em cima dos funcionarios e vitimas.
Os juizes da Justiça Militar com seu staff gasta o pomposa verba de 24 Milhões, são pessoas que julgam os seus semelhantes e colegas que podem ate vir a ser juiz daquela casa tambem, portanto nós os mortais somos julgados na vala comum e os militares com muito corporativismo e tudo entre colegas.
Um forte abraço a todos, e eu pensava que os previlegios dos militares tinham acabado a 28 anos atraz quando acabamos com as torturas, com prisões politicas e principalmente com o militarismo no pais.
E viva a Democracia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário