Páginas

terça-feira, 23 de dezembro de 2008

EU, O NATAL, O ANO NOVO E O ESPELHO

Estamos as vesperas de mais um natal e final de ano, e este é o momento de avaliarmos tudo o que passamos, e que fizemos passar neste ano findo, e a avaliação deve ser daquelas em que fazemos para nós mesmos e olhando no espelho, dizendo a verdade e vendo se acreditamos, sei que alguns vão dizer que é bobagem e que não precisam fazer isso, mas, tenham a certeza que se formos honestos, o nosso proximo ano será muito melhor, porque a verdade que dizemos para os outros, podem ter a certeza que é muito diferente da nossa verdade, que conhecemos e que somente nós sabemos ser a mais pura verdade de nossas vidas, as traições, as mentiras e ate os teatros que se faz para enganar os menos avisados, que na maioria das vezes, são pessoas muito proximas e alguns nem tantos.
A intenção deste espelho é poder dizer, tudo aquilo que nós sabemos ter feito de errado, mas que não conseguimos confiar o bastante em alguem para que carregue consigo nossos segredos tão intimos.
Na verdade o que não queremos é que as pessoas saibam quem somos verdadeiramente, com nossos defeitos que mesmos pequenos acreditamos serem terriveis, e esperamos que todos conheçam somente o personagem em que nos tornamos e que a muito tempo, além de enganar a quase todos, não podemos nos enganar, mesmo que alguns acreditem ser o personagem, mas na frente do espelho, cai a maquiagem e o que enxergamos nada mais é do que a pura verdade, a realidade de nossas vidas, algo que não queremos que ninguem saiba a não ser o nosso proprio espelho, para que não sejamos vulneraveis aos inimigos.
Um forte abraço a todos, Feliz Natal e Ano Novo, mas não esqueça, diga a sua verdade, deixe cair a mascara, só assim terá um Natal e Ano Novo, verdadeiro, para voce e seu espelho.

Nenhum comentário:

Postar um comentário